19 de Abril de 2018

Foi no contexto disruptivo e inovador da Lionesa que aconteceu a terceira sessão do roadshow Norte Digital. Os jovens empreendedores estiveram em destaque na audiência.

Realizada numa parceria entre o Reactor e a Lionesa, esta sessão ficou marcada pela discussão sobre transmedia storytelling e a estratégia de algumas empresas para que os consumidores estabeleçam uma relação afetiva com as suas marcas. As boas-vindas ficaram a cargo das representantes da Lionesa- Catarina Luz, do Reactor – Sílvia Duarte e da AICEP, Portugal Global - Marta Jorge.

Catarina Luz salientou o carácter desafiante, de constante inovação das empresas da Lionesa e Sílvia Duarte, gestora de projeto do Reactor, convidou todos os que têm ideias arrojadas de negócio a procurarem o Reactor, para conseguirem ajuda na transposição dos planos para a realidade empresarial.

Na sua intervenção, Marta Jorge frisou que, apesar de apenas 10% das empresas portuguesas realizarem transações online, a exportação pelo e-commerce tem custos mais baixos comparativamente com os custos de criação de uma rede comercial física no exterior. Segundo a gestora de clientes da AICEP-Portugal Global, as PME portuguesas estão a perder oportunidades de negócio ao não investirem na internacionalização pelos meios digitais.

Sob o olhar atento de um público de jovens empreendedores, com ideias novas e vontade de fazer a diferença, António Teixeira, coordenador do Norte Digital, apresentou o projeto que durante os próximos meses vai percorrer todas as regiões do Norte do país em 20 sessões de informação sobre comércio eletrónico, marketing digital, participação em e-marketplaces, entre outros temas relacionados com a economia digital.

A iniciativa da ACEPI, apoiada pelo Norte 2020, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, abrange também um piloto de qualificação de PME para o digital, cuja seleção vai ocorrer em dois momentos: primeira fase em julho e a segunda em novembro, quando terminarem as sessões de informação.

A sessão prosseguiu com a palestra de João Miguel Lopes, consultor e formador de Transmedia Sotrytelling, intitulada Digital Storytelling na Estratégia de Comunicação. O consultor apresentou diversos exemplos de marcas que alargaram o âmbito do seu negócio e passaram também a ser grandes produtores de conteúdos media e, assim, conseguiram reunir um grupo de seguidores fiéis de marca. Porque, como explicou João Miguel Lopes, “Não temos 30 segundos para que nos interrompam, mas temos 30 minutos para ouvir uma grande história”.

Parte importante da estratégia de e-commerce é o sistema de transporte. José Rufino é gestor comercial da Chronopost na zona Norte e esteve presente nesta sessão de informação para falar de entregas expresso, setor em que a empresa foi distinguida, pelo segundo ano consecutivo, com o prémio “Escolha do Consumidor”.

“Atualmente, já não é apenas possível escolher a janela horária da entrega, como também conseguimos acompanhar o percurso da encomenda, através de live tracking”, referiu.

A muita aguardada participação de Paulo Pimenta, fundador e CEO do KuantoKusta, não desiludiu os presentes. Numa comunicação clara e cativante, explicou aos presentes a evolução do Kuantokusta, os investimentos que correram bem, os que tiveram de ser deixados para trás e as funcionalidades que foram sendo criadas por solicitações das lojas presentes no maior comparador de preços nacional.

No final, explicou que são os cliques que traduzem a rentabilidade do KuantoKusta, respondendo assim à curiosidade da audiência sobre o modelo de negócio do site.

As próximas sessões de informação Norte Digital vão ter lugar em Vila do Conde, no dia 3 de Maio, no dia 10 em Viana do Castelo e dia 17 em Guimarães. A agenda pode ser consultada em www.nortedigital.pt